300x250 AD TOP

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Encontrado em: , ,

Sociedade -Tenho direito à voz, só falta quem nos ouça.

Por Silvana Rudolf
(Clique nas imagens para ampliar e clique em continuar lendo para ler a matéria na íntegra)

Imagem: Reprodução
Hoje pelo menos posso falar sem ser queimada numa fogueira, jogada em um calabouço ou simplesmente morrer, posso expressar minha indignação sem sofrer grandes consequências.

Tenho direito à voz, só falta quem nos ouça.

Ao longo dos anos conquistamos tanto, o direito a falar, direito ao voto, direitos trabalhistas, conquistamos muitas coisas, hoje deveríamos ter orgulho de tantas conquistas. Porém me pergunto por que continuamos reclamando das mesmas coisas, de ser explorados e não ter qualidade de vida, por não termos saúde, educação, segurança.

Imagem: Reprodução
Não quero um nome estampado em um outdoor, quero apenas ter orgulho de ser brasileira. Não o orgulho de ganhar uma copa ou ter o melhor carnaval, mas quero ter orgulho de viver num país que tenha qualidade de vida. Quero o meu paraíso todos os dias, quero direito a saúde, quero segurança e escolas de qualidade para meus filhos. Quero condições de trabalho, quero poder ter alimento de qualidade em minha mesa.

Estou cansada de corrupção onde se vê todos os dias falar em milhões, bilhões e em minha simplicidade nem consigo imaginar esses valores, pois vejo no máximo a casa do mil.

Escuto sobre roubos de milhões e não ouço ninguém falar em devolução desses valores que foram roubados do povo, pois este é quem paga esses milhões sem retorno algum.

Imagem: Reprodução
Em nossas Leis temos o direito a tudo que nos é necessário para uma vida digna e em nosso cotidiano não conseguimos ter esta dignidade. Pois aqueles que deveriam nos defender, aqueles que colocamos nessa posição para nos representar são quem nos roubam descaradamente e o pior nós não fazemos nada a respeito a não ser reclamar.

Está na hora de mudar, está na hora de mostrar que como os colocamos nessa posição podemos tira-los a qualquer tempo. Está tudo em nossas mãos, então o que estamos esperando?

0 comentários:

Postar um comentário