300x250 AD TOP

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Encontrado em: , , ,

História - Cinema e Troca de Gibis

Por Fabiano Uesler
(Clique nas imagens para ampliar e clique em continuar lendo para ler a matéria na íntegra)

Nada melhor do que começar um novo ano falando de Blumenau e de suas histórias e ninguém faz isso de maneira mais singular e emotiva do que o Braga Mueller e o Adalberto Day. Histórias que devem ser relembradas e contadas para novas gerações para que a verdadeira Blumenau nunca se perca em nossos corações. Adalberto Day a partir de hoje tem seu nome em destaque na galeria de autores e colaboradores do TdB além do carinho que todos nós temos por ele.
O TdB deseja a todos os seus leitores um Feliz 2014 e que este ano nos surpreenda com muita alegria.

Por Braga Mueller / Adalberto Day / Arquivo de Adalberto Day

Cine Busch
Imagem: Adalberto Day
Quando o Cine Busch construiu seu prédio novo, por volta de 1939/1940, as sessões de cinema aconteceram excepcionalmente no Salão de Baile do Clube Náutico América, ao lado da Praça Hercílio Luz.
Quando as enchentes de 1983/1984 invadiram os Cines Busch e Blumenau (inclusive determinando o fechamento deste último), o Carlos Gomes promoveu sessões de cinema durante algum tempo.

O primeiro cinema fixo de Santa Catarina foi o Busch , em 1904. Frederico Guilherme Busch Sênior  descendente de alemães de Santo Amaro da Imperatriz, veio para Blumenau e foi aqui que marcou sua presença como pioneiro em várias atividades, entre elas o cinema, que então engatinhava, utilizando o Salão Holetz para as exibições dos filmes mudos, ou as "cenas animadas", como se dizia então.

Cine Blumenau
Imagem: Adalberto Day
Era um tempo em que a sociedade se encontrava no salão para assistir filmes que eram exibidos exclusivamente nas grandes capitais ... e em Blumenau !
Desde pequeno eu ouvia as narrativas de minha tia, pianista Antonietta Braga, que ficava ao lado da tela executando as músicas enquanto o filme mudo era projetado. Nas cenas românticas, o piano acompanhava com suavidade; se a ação era de suspense, os graves tomavam conta do ambiente.
Quer dizer, Blumenau tem muita tradição em cinema.


Praticamente a história do cinema é, também, a história dos cinemas de Blumenau !

Cine Garcia
Imagem: Adalberto Day

Por Carlos Braga Mueller / escritor e jornalista 

*********************************************************************

Imagem: Adalberto Day
Na nossa infância e adolescência pelos idos anos de 1960/1970, nossa alegria era ir ao Cinema aos domingos à tarde, na matiné das 13h30min, onde havia a troca de gibis no Cine Garcia, Busch , Blumenau, Mogk.

Sempre levava diversos gibis adultos e infantis. Guardei alguns  exemplares da época e apresento aos amigos.



Imagem: Adalberto Day
Imagem: Adalberto Day
 
Imagem: Adalberto Day

Imagem: Adalberto Day

Imagem: Adalberto Day

Imagem: Adalberto Day
Por Adalberto Day cientista social e pesquisador da história em Blumenau

Publicado Originalmente no Blog Adalberto Day em terça-feira, 6 de agosto de 2013

2 comentários:

  1. Preciso contar com humildade que vi de perto esses gibis que Adalberto guarda até hoje como um grande troféu. Delicadeza e arte se juntam com esse homem, tão sábio e querido por nós. Obrigada por compartilhar com a gente todas essas belíssimas postagens Todo Dia Blumenau. Abraço :)

    ResponderExcluir
  2. Fabiano
    Só algumas palavras:
    Obrigado pelo carinho de todos. Estou sempre para servir aos amigos e todo povo querido de nossa Blumenau.
    Adalberto Day cientista social e pesquisador da história em Blumenau

    ResponderExcluir