300x250 AD TOP

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Encontrado em: , ,

Cinema - (Diário Cinéfilo) Advogados, Ladrões, Nazistas, Alienígenas e a Última Sexta-Feira!

Hoje inauguro uma nova seção no TdB, o Diário Cinéfilo! Neste espaço pretendo relacionar os filmes que assisti na última semana contendo uma classificação e um breve comentário. A ideia surgiu justamente da preguiça falta de tempo de escrever resenhas complexas sobre todos os filmes que gostaria e também por acreditar que desta forma seja possível falar sobre um número bem maior de obras, tanto boas quanto ruins. Então, sem muita enrolação, eis os filmes que assisti na semana que passou:


Utilizarei a seguinte escala na classificação dos filmes:
★★★★★ Obra-Prima
★★★★½ Excelente
★★★★ Muito Bom
★★★½ Bom
★★★ Mais ou Menos
★★½ Desapontante
★★ Fraco
½ Ruim
Terrível


O Cliente (1994)
"The Client" – Dirigido por Joel Schumacher
★★½ Desapontante
Esta era a peça que faltava para eu assistir todos os filmes baseados nas obras do escritor John Grisham, no entanto, devo dizer, o mais fraco de todos. Se você é fã de Grisham ou de filmes de tribunal, recomendo A Firma (1993), O Júri (2003) e Tempo de Matar (1996), mas os dois dirigidos por Schumacher, O Cliente e Dossiê Pelicano (1993), são os menos interessantes, ambos cheios de clichês dos anos 90, desde a trilha sonora até a construção dos personagens (que não faz jus a riqueza presente nos livros). É incrível como ambos já estão muito datados, mesmo se comparados com filmes bem mais antigos. Recomendável apenas para quem gosta do autor ou de temas relacionados ao Direito.



Ladrão de Casaca (1955)
"To Catch a Thief" – Dirigido por Alfred Hitchcock
★★★ Mais ou Menos
Estou numa jornada para por em dia os filmes do mestre Hitchcock ainda não assistidos. É importante frisar que nem todos os trabalhos dele são obras-primas, mas ainda assim são bons filmes, como é o caso desta comédia romântica com Cary Grant e Grace Kelly. A trama mostra um ex-ladrão de joias é acusado de uma série de roubos na Riviera Francesa e para provar sua inocência ele precisa pegar o verdadeiro ladrão. Um filme bem executado, mas com nada de especial.




A Vida é Bela (1997)
"La vita è bella" – Dirigido por Roberto Benigni
★★★★★ Obra-Prima
Sabe aqueles filmes que você tem vergonha de dizer que não assistiu? Bem, esse eu já posso tirar dessa lista! E agora me arrependo de não tê-lo assistido antes, uma obra perfeita. Sem dúvidas, uma visão completamente diferente sobre a Segunda Guerra Mundial, inicia como um conto de fadas e se transforma num pesadelo, capaz de fazer as pessoas gargalharem e se debulhar em lágrimas, mostra que a vida é bela, mas também é horrível.





Guardiões da Galáxia (2014)
"Guardians of the Galaxy" – Dirigido por James Gunn
★★★★½ Excelente
Um dos melhores filmes do ano, mistura perfeita de ação, comédia, super-heróis de quadrinhos e galhofa espacial. Sou suspeito para falar, pois sou fanboy do universo Marvel, por isso faço uma comparação dentro deste universo e afirmo que Guardiões da Galáxia é melhor que Os Vingadores. A trilha sonora (Awesome Mix Vol. 1) é um capítulo a parte, faz uma semana que não escuto outra coisa. Chris Pratt detonou como o protagonista Peter Quill, o Star-Lord, Zoe Saldana também estava a altura, mas o melhor de todos foi Bradley Cooper como o guaxinim Rocket, inspirado nos personagens de Joe Pesci em Casino e Os Bons Companheiros, ele estava tão insano quanto. Até Vin Diesel, que acho um péssimo ator, fez bem o seu trabalho, aliás, o melhor papel de sua vida, uma árvore falante com uma única frase!



Jason Vai Para O Inferno - A Última Sexta-Feira (1993)
"Jason Goes to Hell: The Final Friday"- Dirigido por Adam Marcus
Terrível
Outra epopeia na qual me engrenhei ultimamente foi reassistir todos os filmes da franquia Sexta-Feira 13. Eis que surge na minha lista o nono filme e segunda tentativa de fazer um capítulo final para a saga, e olha que quase conseguiram, pois este filme é tão ruim que somente fizeram um novo capítulo 8 anos depois, porém, conseguiram ser ainda piores com Jason X (2001). Quero esclarecer que sou fã da franquia, meus filmes preferidos são o primeiro, o quarto e o sexto, mas este filme é intragável. Jason mal aparece, os efeitos estão medonhos e o suspense dá lugar à tosqueira. Altamente não recomendado.

0 comentários:

Postar um comentário